Sindicatos dos Metalúrgicos conclui entrega da Cartilha

O Sindicato dos Metalúrgicos finalizou nesta semana a entrega da Cartilha “Assédio Moral no Trabalho: BASTA!” aos trabalhadores e trabalhadoras da categoria. Na quinta-feira (31) os diretores do Sindicato estiveram no portão principal da Weg II distribuindo a publicação, que traz todas as informações necessárias para que os trabalhadores e trabalhadoras se informem e reajam a esse mal que destrói a autoestima e compromete os relacionamentos afetivos e de trabalho. O que é assédio moral, qual a sua origem, quando ocorre, os principais alvos, além dos vários exemplos de assédio moral são temas abordados de maneira simples na Cartilha.

Ameaçar constantemente de demissão, chamar o trabalhador de incompetente, repetir a mesma ordem para realizar tarefas simples, centenas de vezes até desestabilizar emocionalmente o trabalhador, sobrecarregar o trabalhador de tarefas ou impedir a continuidade do trabalho, negando informações, desmoralizá-lo publicamente, ignorar a presença do trabalhador. São formas de manifestação do assédio moral no trabalho e que estão contidas na Cartilha.

O trabalhador Daniel recebeu a cartilha das mãos do diretor Jair Rosembach e considera “muito importante” que o Sindicato tenha se preocupado com este tema. Embora nunca tenha sido vítima de assédio moral, ele sabe que “o problema acontece em muitas empresas”. Já a trabalhadora Marister conta que já sofreu assédio moral na rua, no trabalho, no ônibus, “coisas que ofendem a gente”, e acha que todos os trabalhadores e trabalhadoras “devem estar prevenidos quanto a este problema”.

O presidente do Sindmet, Silvino Volz, mostrou-se satisfeito com a receptividade dos trabalhadores ao receberem a Cartilha. “O assédio moral é um tema que tem assustado os trabalhadores, que o denunciam com muita frequência ao Sindicato. Acreditamos que o conhecimento vai fortalecer o combate ao assédio moral e inibir a ação das chefias e gerentes que volta e meia acabam assediando os trabalhadores”, comenta Silvino.

O Sindicato dos Metalúrgicos foi a primeira entidade da nossa região a aderir ao Programa Trabalho Seguro, desenvolvido pelo Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região, em Florianópolis. “A elaboração da Cartilha já é uma ação neste sentido e, para o mês de outubro, estamos organizando um Seminário que vai tratar de Saúde e Segurança para os trabalhadores, dentro da proposta que assinamos com o TRT de buscar condições melhores de trabalho para todos”, explica. A assinatura do Termo de Parceria aconteceu dia 28 de julho, no Fórum Trabalhista e contou com a presença da juíza da 1ª Vara do Trabalho, Adriana Custódio Xavier de Camargo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × três =