Dia Mundial do Doador de Sangue!

Doar sangue é um ato de cidadania e amor ao próximo.

O sangue é essencial para tratamentos e intervenções urgentes e pode ajudar pacientes que sofrem de condições com risco de vida, além de apoiar procedimentos médicos e cirúrgicos complexos. O sangue também é vital para o tratamento de feridos durante emergências de todos os tipos (desastres naturais, acidentes, conflitos armados etc.) e tem um papel essencial nos cuidados maternos e neonatais.

Um suprimento adequado de sangue só pode ser garantido através de doações regulares e voluntárias. Por isso, a Assembleia Mundial da Saúde, em 2005, designou um dia especial para agradecer aos doadores e incentivar mais pessoas a doar sangue livremente. A data de 14 de junho foi instituída em homenagem ao nascimento de Karl Landsteiner, imunologista austríaco que descobriu o fator Rh e as várias diferenças entre os tipos sanguíneos.

Além de agradecer aos doadores, é um dia de conscientizar sobre a necessidade global de sangue seguro e de como todos podem contribuir. Por meio da campanha, mais e mais pessoas em todo o mundo são convidadas a se tornarem salvadores, oferecendo-se voluntariamente para doar sangue de modo regular.

Nossa Convenção Coletiva de Trabalho prevê que o trabalhador que for convocado para doação gratuita de sangue, por entidade hospitalar ou até mesmo por pacientes, terá o pagamento do dia de trabalho garantido pelo empregador, para todos os fins de direito contratual. Limitado a 3 vezes por ano, mediante a comprovação.

Verifique se você passa nos requisitos para doação:

  • Esteja alimentado. Fazer refeições leves e não gordurosas, nas 4 horas que antecedem a doação;
  • Não ter ingerido bebidas alcoólicas e nem uso de maconha nas últimas 12 horas;
  • Não estar gripado, resfriado ou em processo alérgico;
  • Não ter tomado antibiótico nos últimos 15 dias;
  • Ter repousado bem na noite antes da doação;
  • O candidato à doação deve estar em boas condições de saúde, sem feridas ou machucados no corpo;
  • Pesar acima de 50 kg (com desconto de vestimentas);
  • Ter idade entre 18 e 69 anos, 11 meses e 29 dias;
  • Doadores com idade de 16 e 17 anos de idade, são aceitos para doação mediante a presença e autorização formal dos pais e/ou responsável legal;
  • O limite de idade para primeira doação é de 60 anos;
  • Não ter se exposto ao risco de contrair o vírus da AIDS;
  • Não ter feito tatuagem, piercing ou maquiagem definitiva (micropigmentação) nos últimos 12 meses. No caso de piercing na cavidade oral e/ou na região genital, aguardar 12 meses após a retirada;
  • Não ter diabetes;
  • Não estar grávida, nem com suspeita de gestação;
  • Não estar amamentando, ao menos que o parto tenha ocorrido há mais de 12 meses;
  • Não estar acompanhado de crianças, sem acompanhante na hora da doação;
  • Apresentar documento de identidade com foto, emitido por órgão oficial: RG., carteira profissional, carteira de motorista, etc.

Seja você também, o doador da vida de alguém! ♥

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × 5 =